• Redação

Baianos vão para as ruas protestar contra Lockdown




Em diversos municípios da Bahia, milhares de baianos saíram as ruas em passeatas e carreatas, na manhã desta terça-feira (2), em protesto ao decreto do governador Rui Costa de fechamento do comércio em 90% das cidades baianas, no último dia 26.



Entre as determinações do decreto estão o fechamento de todo o comércio não essencial em 90% dos municípios baianos, inclusive com a proibição de comercialização de bebidas alcoólicas.



Inicialmente o decreto determinava que o comércio seria fechado a partir das 18h da sexta-feira (26) até às 5h da segunda-feira (01/03). Entretanto, os baianos foram pegos de surpresa com o anúncio do governador Rui Costa, no final da tarde de domingo com a prorrogação do lockdown até a quarta-feira (3). O mais entranho na reedição do decreto foi a retirada da proibição de venda de bebidas alcoólicas.



Isso mostra a força do lobby da indústria cervejeira sobre os políticos que vivem dos financiamentos de campanha em ano eleitoral e o apoio das suas caixinhas mensais.





Empresários, trabalhadores e desempregados foram para as ruas de várias cidades da Bahia protestar contra o fechamento do comércio e em defesa do emprego. Em Feira de Santana, uma passeata reuniu mais de 1.000 carros em favor da abertura do comércio na cidade.


Centenas de vídeos dos protestos estão circulando nas redes sociais, mostrando a revolta da população nas cidades de Jacobina, Irecê, Salvador, Vitória da Conquista, entre outras, contra a medida do governador em fechar o comércio com a desculpa de um colapso na saúde pública.



O que o governador não explicou é porque foram fechados mais 1 mil leitos dos hospitais de campanhas e onde foram parar os leitos desativados que não foram incorporados na rede pública como foi prometido.



Um outro absurdo que não se explica é o governador não colocar em funcionamento o Hospital Metropolitano recém inaugurado com 265 leitos, sendo 30 Unidades de Tratamento Intensivo (UTI) que teve investimento estimado em R$ 150 milhões.



Nas redes sociais o número de convocações para novos protestos vem aumentando devido as notícias de nova prorrogação do lockdown até domingo (7). A população não ficará calada diante das desculpas esfarrapadas dos políticos que só querem se manter no poder pela miséria do povo e o caos da sociedade.



Enquanto, a imprensa baiana financiada pelos políticos fecham os olhos e se calam nas suas redações diante o que está acontecendo na Bahia, o Rx Notícias estará acompanhando e divulgando tudo o que se passa em nosso estado, doa a quem doer, nosso compromisso é com a verdade!





Como já era esperado, a política do caos esta instalada na Bahia e o lockdown foi prorrogado até às 05h da segunda-feira (8).




Veja Mais

Veja Mais